Unsplashed background img 1

Guardiões do Cerrado em Pé

Publicado em

A ameaça à sociobiodiversidade do território da Comunidade Tradicional de Fecho de Pasto de Clemente, provocada, sobretudo, pela morte de nascentes, incêndios e destruição do bioma Cerrado na região, motivou a realização do projeto Guardiões do Cerrado em Pé - em defesa do território das comunidades tradicionais de Fecho de Pasto no município de Correntina, Oeste da Bahia.

O grupo agrega camponeses das comunidades Praia, Malhadinha, Jatobá, Bonito, Busca Vida e Catolés, que manejam uma área de 3.424 hectares, onde será executado o projeto pela Associação Comunitária dos Pequenos Criadores do Fecho de Pasto do Clemente (ACCFC). A área coletiva de uso das comunidades dista aproximadamente 20 km das moradias das famílias, o que torna desafiador o monitoramento e acompanhamento constante. Essa área coletiva é destinada ao retiro do gado bovino, para o aproveitamento da pastagem nativa - a solta é alternada duas vezes ao ano, com sete meses de pousio, extrativismo de plantas medicinais e frutos nativos para uso comunitário, além de coleta de mel.

Entretanto, a partir da década de 70, quando as empresas voltadas para o agronegócio se instalaram na região oeste da Bahia, desmatando e destruindo o cerrado dos chapadões, houve a diminuição da precipitação na região, dificultando a recarga dos lençóis freáticos e aquíferos, causando a morte de nascentes. Com as mudanças climáticas, a irregularidade das chuvas e o aumento da temperatura, as queimadas têm ocorrido com maior frequência e efeito mais destruidor.

Essa situação causou mudanças na forma tradicional da comunidade desenvolver os seus cultivos e abastecimento dos mercados locais, inviabilizando a prática tradicional da agricultura camponesa. Portanto, é necessário desenvolver ações de manejo, ações preventivas e protetivas que contribuam para a manutenção da biodiversidade e a defesa do território da comunidade tradicional de Fecho de Pasto de Clemente, mantendo o Cerrado em pé, protegendo nascentes, córregos e veredas, e assegurando condições de reprodução do modo de vida camponês na região.

Janela: Gestão de Recursos Naturais